Confira a programação das Oficinas Culturais que acontecerão no mês de abril, nas bibliotecas públicas do interior do estado de São Paulo.


GESTÃO CULTURAL

OFICINA DE CAPACITAÇÃO PARA EMPREENDEDORES CULTURAIS (ARUJÁ)

– Coordenação: Vania Cristina Feitosa
– 2/4 a 23/4 – segundas-feiras – das 16 às 19 horas
– Vagas: 20
– Indicação: maiores de 16 anos
– Local: Biblioteca Municipal Profª Alda Martins Soncini – [Rua São Paulo, 110 – Jardim Planalto – Arujá/SP]
– Sinopse da atividade: A oficina visa desenvolver competências na elaboração e gestão de projetos culturais de jovens artistas individuais e/ou coletivos culturais, apresentando um panorama da área cultural com abordagem em criação de projetos, gestão cultural, políticas públicas para a cultura, marketing para projetos culturais, inscrição em editais e prestação de contas.


LITERATURA

OFICINA: CONTAR HISTÓRIAS NAS BIBLIOTECAS (ITAPETININGA)

– Coordenação: Alice Bandini
– 21/4 – sábado – das 9 às 18 horas
– Vagas: 30
– Indicação: maiores de 16 anos
– Local: Biblioteca Municipal Dr. Júlio Prestes de Albuquerque – [Rua Dr. Campos Salles, 175 – Centro – Itapetininga/SP]
– Sinopse da atividade: A oficina “Contar Histórias nas Bibliotecas – Uma ponte para a Mediação de Leitura e Outras Linguagens” propõe mostrar que as histórias podem ser instrumento para se trabalhar outras linguagens, além de aproximar os usuários das bibliotecas e/ou alunos do universo literário de forma lúdica, promovendo outras formas de leitura, bem como estreitar relações de convívio educacional e social.


AUDIOVISUAL

OFICINA: CINEMA DA ESCUTA (UBATUBA)

– Coordenação: Victor Fisch
– 25 a 28 de abril – quarta, quinta e sexta-feira – das 19 às 22 horas (na Biblioteca Municipal Atheneu Ubatubense) / sábado (28/4) – das 9 às 12 horas e das 14 às 17 horas (no Sobradão do Porto)
– Vagas: 20
– Indicação: maiores de 16 anos
– Local: Biblioteca Municipal Atheneu Ubatubense – [Praça 13 de Maio, 52 – Centro – Ubatuba/SP] / Sobradão do Porto – [Praça Anchieta, 38 – Centro – Ubatuba/SP]
– Sinopse da atividade: A partir dos conceitos de Eduardo Coutinho, que realiza um documentário que busca “compreender a razão do outro”, esta oficina se propõe a ser uma reflexão sobre nossa abordagem com o outro, uma oficina sobre a vida. As estratégias para realizar uma entrevista em um documentário e os pensamentos de um filme documental partem de uma ética de vida: se colocar no lugar do outro. Os três primeiros encontros são teóricos, sobre documentário, entrevistas, cinema híbrido, técnicas de aproximação do outro e a filosofia de Eduardo Coutinho de procurar compreender a razão do outro. O quarto encontro será prático, de uma entrevista com um personagem pré-selecionado para a oficina, para exercitar o lugar do bom entrevistador. O resultado será disponibilizado na internet.

 

Mais informações: Oficinas Culturais