Agenda

Caso não consiga realizar seu cadastro pelo link, por favor, envie as informações* abaixo para o e-mail siseb@spleituras.org para efetivar sua inscrição.

1) Nome da atividade – 1.1) data; 2) e-mail; 3) CPF; 4) nome completo; 5) data de nascimento; 6) telefone; 7) sexo; 8) trabalha em biblioteca? – 8.1) caso sim, qual tipo?; 9) instituição; 10) cargo; 11) profissão; 12) endereço (logradouro, número, complemento, bairro, cidade, Estado e CEP); 13) possui deficiência, mobilidade reduzida ou outra condição especifica? – 13.1) caso sim, qual tipo?; 14) escolaridade; 15) formação.

* Os dados pessoais fornecidos na inscrição serão utilizados pela SP Leituras / SisEB para levantamento estatístico e prestação de contas junto à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Após a utilização, os dados serão deletados do nosso sistema.

jun
3
qua
2020
Oficina – Escrita de si e autobiografia
jun 3@15:00 – 17:00
Oficina - Escrita de si e autobiografia

OFICINA com a escritora, jornalista, ativista e pesquisadora Bianca Santana. 

INSCRIÇÕES ENCERRADAS.

Por meio de exercícios práticos e aportes teóricos, a atividade tem o objetivo de permitir uma reflexão crítica sobre a memória e aprimorar o próprio estilo narrativo.  

Conteúdo 

  • A escrita autobiográfica;  
  • A escrita de si como tecnologia de si; 
  • Pontos de vista; 
  • Memória individual e coletiva. 

Bianca Santana é autora de Quando me descobri negra. Doutora em Ciência da Informação e mestra em Educação pela Universidade de São Paulo. Pesquisa memória e escrita de mulheres negras. Jornalista formada pela Faculdade Cásper Líbero, onde foi professora. Colunista das revistas Cult, Gama e de ECOA-UOL. Foi autora convidada na Feira do Livro de Frankfurt em 2018 e na Feira do Livro de Buenos Aires em 2019, quando também foi curadora do Festival Literário de Iguape. Facilita oficinas de escrita. https://biancasantana.info/  

PÚBLICO-ALVO: Equipes e públicos das organizações parceiras do programa Praler – Prazeres da Leitura, e profissionais das áreas de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Educação, Leitura, Literatura e outros interessados. 

Inscrições gratuitas. Vagas limitadas! 

Mais informações: siseb@spleituras.org  www.siseb.sp.gov.br  

Acessibilidade: Condições especiais de atendimento, como tradução em LIBRAS, devem ser informadas na inscrição.

Importante: O link para acesso à plataforma será enviado um dia antes da atividade. Questionário de avaliação e certificado serão encaminhados em até uma semana após a ação. 

3 de junho de 2020
das 15 às 17 horas 

jun
19
sex
2020
Webinar – Por mais escritoras negras: a importância da inclusão de obras de autoras negras nas bibliotecas
jun 19@15:00 – 17:00

Webinar com Francilene Cardoso, Neide Almeida e Charlene Lemos
Mediação: Coletivo Mulheres Negras na Biblioteca 

INSCRIÇÕES, CLIQUE AQUI

“Acreditamos que um evento como esse pode plantar uma semente de mudança no terreno da biblioteconomia e colher a diminuição do racismo dentro e fora das bibliotecas. Pois, quanto mais profissionais dessa área passem a ter consciência da importância de se fazer um reparo social, oferecendo a visibilidade que foi negada às mulheres negras no meio literário, mais chegaremos perto de uma sociedade justa.”  Mulheres Negras na Biblioteca.  

Francilene Cardoso é graduada em Biblioteconomia pela UFMA, com doutorado na Escola de Serviço Social da UFRJmestrado em Ciência da Informação pela UFF e especialização em História da África e do Negro no Brasil pela Universidade Candido Mendes. É autora do livro O negro na biblioteca: mediação da informação para construção da identidade negra, publicado em 2015.  

Neide Almeida é escritora, poeta, educadora, pesquisadora, produtora e gestora cultural. Socióloga pela FESPSP, mestre em Linguística pela PUC-SP e especialista em Gestão Cultural Contemporânea pelo Itaú Cultural. Atua na área de direitos humanos, especialmente no campo da leitura e das relações étnico-raciais. Trabalhou no programa Prazer em Ler do Instituto C&A, no Núcleo de Educação do Museu Afro Brasil, e atuou no GD do Plano Municipal do Livro, Leitura, Literatura e Biblioteca de São Paulo como membro da sociedade civil. Em 2018 integrou o júri final do Prêmio São Paulo de Literatura. É autora do livro de poesia Nós: 20 poemas e uma Oferenda (Ciclo Continuo Editorial2018). 

Charlene Lemos é graduada em Biblioteconomia pela Unesp, mestre em Ciência da Informação pela ECA-USP diplomada em Gestión de Bibliotecas Públicas pela Universidad Alberto Hurtado (Chile). Coordenou a Biblioteca Pública Maria Firmina dos Reis e atualmente é coordenadora da Biblioteca Pública Raul Bopp, ambas da Prefeitura de São Paulo, e docente no curso de pós-graduação em Gestão de Bibliotecas Escolares. Atua na área de Ciência da Informação, com ênfase em Cultura e Informação, e organiza eventos literários, culturais com foco na participação comunitária, formando redes com o território local. 

COLETIVO MULHERES NEGRAS NA BIBLIOTECA 

Carine Souza é graduanda em Letras, técnica em Biblioteconomia, revisora e preparadora de textos, produtora cultural e uma das idealizadoras do projeto Mulheres Negras na Biblioteca.  

Juliane Sousa é formada em Letras pela Unifesp, produtora cultural, ambientalista, jornalista, apresentadora de rádio e televisão, roteirista, poeta e uma das responsáveis pelo projeto Mulheres Negras na Biblioteca. 

Beatriz Gonçalves Nogueira dos Santos é graduanda em Biblioteconomia pela USP. Uma das responsáveis pela inclusão das temáticas informação étnico-racial na Biblioteconomia” e “importância da inclusão de obras de escritoras negras nos acervos das bibliotecas” na Semana de Biblioteconomia ECA -USP 2018. 

PÚBLICO-ALVO: Profissionais das áreas de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Educação, Leitura, Literatura e correlatas.
Inscrições gratuitas. Vagas limitadas!
Mais informações: siseb@spleituras.org • www.siseb.sp.gov.br
Acessibilidade: haverá tradução em LIBRAS.
Importante: O link para acesso à plataforma será enviado um dia antes da atividade. Questionário de avaliação e certificado serão encaminhados em até uma semana após o evento. 

19 de junho de 2020
das 15 às 17 horas 

jun
23
ter
2020
Webinar – Prêmios e festivais literários como políticas públicas culturais
jun 23@18:30 – 20:30

Mais informações em breve.

jun
26
sex
2020
Webinar – Planejando a retomada: acervo e programação cultural
jun 26@15:00 – 17:00
Webinar - Planejando a retomada: acervo e programação cultural

Mais informações em breve.

jul
13
seg
2020
ENSINO A DISTÂNCIA (EAD) SISEB – Mediação: Cultura, Leitura e Território – Turma 1: julho-setembro/2020
jul 13 – set 6 dia inteiro
ENSINO A DISTÂNCIA (EAD) SISEB – Mediação: Cultura, Leitura e Território – Turma 1: julho-setembro/2020

Curadoria e coordenação pedagógica: Marilena Nakano (Rede Beija-flor de Pequenas Bibliotecas Vivas)

PRÉ-INSCRIÇÕES, CLIQUE AQUI.

APRESENTAÇÃO
O novo curso EaD do SisEB é resultado do workshop internacional Mediação: Cultura, Leitura e Território, realizado em outubro de 2018 e que contou com a participação de mais de 50 profissionais de bibliotecas, gestores e mediadores de leitura de alguns Estados brasileiros para participar de 35 horas de capacitação com especialistas de diversas áreas. O evento incluiu palestras, oficinas e mesas-redondas para abordar a complexa relação cultura e comunidade, a formação de leitores, os diferentes papéis e formas de mediação, além de trazer experiências práticas em comunidades leitoras.

CONTEÚDO
Os territórios culturais onde atuamos – físicos, virtuais e metafóricos – são palcos singulares de criação autônoma e de protagonismos distintos nem sempre convergentes. É nesse ambiente que a geração do conhecimento, a inovação dos processos e as práticas culturais ganham forma e dimensão simbólica pela mediação dos agentes culturais.

MÓDULOS
Arte e memória como instrumentos de trabalho e intervenção cultural
Leitura e literatura como direitos e princípios de cidadania
Mediação e formação de leitores
Territórios da linguagem: experiências práticas em comunidades leitoras

Marilena Nakano é fundadora da Rede Beija-flor de Pequenas Bibliotecas Vivas de Santo André, pedagoga e historiadora.  Pós-doutora pela Université Paris 13 (França), doutora e mestre na área de Educação, Estado e Sociedade pela Universidade de São Paulo, e professora aposentada do Centro Universitário Fundação Santo André. Tem experiência na área de educação, na formação de professores. Foi cooperante na África, em São Tomé e Príncipe e Cabo Verde, na alfabetização de jovens e adultos, e na França, professora de educadores sociais, no campo da mediação de território.

PÚBLICO-ALVO E PRÉ-REQUISITOS: trabalhar em biblioteca de acesso público do Estado de São Paulo; ter ensino superior completo ou cursando; ter boas noções de informática, internet e acesso por banda larga.

TURMA JULHO-SETEMBRO/2020
Vagas: 180
Carga horária: 56 horas/aula
Início: 13 de julho
Término: 6 de setembro

PRÉ-INSCRIÇÕES ATÉ 15 DE JUNHO. VAGAS LIMITADAS!
DIVULGAÇÃO DOS SELECIONADOS ATÉ 29 DE JUNHO

ATENÇÃO
• Enviar a pré-inscrição online até 15 de junho de 2020
• Ter sua pré-inscrição aprovada pela coordenação do SisEB

5 RAZÕES PARA VOCÊ NÃO PERDER ESTA OPORTUNIDADE
• Estudar no melhor horário sem sair de casa
• Aprimorar seus conhecimentos em pouco tempo: apenas 8 semanas
• Acompanhar sua evolução passo-a-passo – teoria e prática juntas
• Não estudar sozinho: o curso é interativo e acompanhado por coordenadores e tutores especializados
• Curso gratuito com certificado do SisEB

CERTIFICAÇÃO: Os certificados serão concedidos pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São paulo e pelo SisEB para os participantes que concluírem integralmente o curso.
Mais informações: siseb@spleituras.org • www.siseb.sp.gov.br